Blog

Pais incentivam filhos a frequentar a Gibiteca


15/09/2014 10:19

O ponto de cultura Gibiteca está presente na vida de crianças e também de seus pais. Elaine Lopes Vieira costumava frequentar o espaço no antigo endereço. Naquela época, a datilografia era um dos cursos oferecidos que Elaine cursou gratuitamente. Ela conta que gostava muito do espaço, das atividades realizadas e da interação com outras crianças e jovens da região. “A Gibiteca era um lugar aonde a gente ia para fazer curso, para ler, encontrar e conversar com as amizades da vila”, comentou.

 

Quando a Gibiteca abriu novamente no atual endereço, Elaine incentivou o filho Guilherme a conhecer e frequentar. “Agora ele não fica sem vir aqui”, disse. Na Gibiteca, Guilherme realiza leitura, pesquisa, trabalhos de escola e participa de diversas oficinas. “Meu filho está indo bem nos trabalhos da escola porque ele tem um lugar para pesquisar”, afirma Elaine. As crianças recebem orientação para encontrar os assuntos que precisam para realizar trabalhos escolares.

 

Elaine destaca que um diferencial da Gibiteca é que lá as crianças não se sentem obrigadas a ler e participar, elas procuram a leitura por vontade própria. “Mesmo quando meu filho tinha que ficar em casa por causa de uma cirurgia que tinha feito, ele foi à Gibiteca, escolheu três gibis para ler, levou para casa e leu, depois foi buscar mais”. Elaine concorda que as crianças sentem falta do ambiente gostoso da Gibiteca. 

Outros Artigos