Blog

Gibiteca, um mundo de aprendizagem e imaginação


17/10/2013 23:24

Sentados lendo seus gibis Henrique, Mirella e Érica se encontram com Mônica, Cebolina e Chico Bento. Suas histórias preferidas. Henrique disse que gosta do Chico Bento porque ele é engraçado, já Érica ri mesmo é das trapalhadas do Cebolinha e de seus planos ‘ilefutáveis’ contra Mônica. Mirela, que ainda está aprendendo a ler, se diverte com os desenhos. Os três são vizinhos e freqüentadores assíduos da Gibiteca de Campo Grande. Mesmo morando em um bairro um pouco mais afastado – Saraiva – eles não deixam de ir ao local e entrar em contato com este mundo de imaginação. Em que outro lugar eles encontrariam um biblioteca especializada em gibis com um acervo de cerca de vinte mil exemplares de diferentes tipos de gibis e até internacionais. Além disso, eles podem encontrar os amigos e também fazer novos, participar de oficinas de desenho, leitura, artesanato, fazer empréstimos de livros, acessar a internet, e tudo isso de graça. A única regra é que tem que ler pelo menos um gibi para participar das atividades. O idealizador do projeto, Ronilço Guerreiro, explica que a regra é para não se perder a essência do projeto. “Hoje, as crianças gostam muito mais de acessar a internet. Nós temos dez computadores com banda larga para toda a comunidade que quiser usufruir o beneficio. Mas, para isso tem que ler o um gibi”, diz. Ele explica que o projeto tem como objetivo principal incentivar a leitura de crianças e adolescentes. “A intenção é despertar o interesse pela leitura com os quadrinhos, que contém uma linguagem prática, colorida e com textos curtos, o que prende a atenção da criança, fazendo enriquecer a sua criatividade”. A Gibiteca possui um espaço apropriado para quem quer aprender e entrar neste mundo de imaginação. E não precisa vir sozinho, no local dá para reunir os amigos, ler os gibis e participar das oficinas gratuitas. História da Gibiteca A Gibiteca existe desde 1995 e se desenvolveu graças ao esforço de seu fundador, Ronilço Guerreiro, e do apoio das Embaixadas da França e Austrália, que doaram todos os equipamentos necessários para o inicio do funcionamento deste projeto. A Gibiteca campo-grandensse foi inspirada na Gibiteca de Curitiba, que há muito tempo vem trabalhando com sucesso no incentivo à leitura através dos quadrinhos. Atualmente, a Gibiteca é um dos Pontos de Cultura da cidade, e recebe apoio da Fundação de Cultura de MS e do Ministério da Cultura e de outros parceiros. Ronilço diz que o ‘espaço é pequeno mas é como coração de mãe: sempre cabe mais um’. Serviço Quem quiser conhecer a Gibiteca e participar das oficinas basta ir até a Rua Francisco Barbato, 180, esquina com Rua Sacramento, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Telefone para contato (67) 3365-0405 ou (67) 9996 5748

Outros Artigos