Blog

Após vandalismo, grupo reforma monumento no MS


17/10/2013 23:08

Um grupo de moradores de Campo Grande, na capital do Mato Grosso do Sul, se reuniu na tarde do último domingo para reformar um monumento histórico. O obelisco construído em homenagem ao fundador da cidade, José Antônio Pereira, foi alvo de vandalismo na última semana durante o protesto que reuniu milhares de pessoas.

 

Com tinta branca, o grupo pintou novamente a base do monumento, que havia sido pichada em vermelho com a palavra ‘corrupção’. O obelisco, localizado entre a avenida Afonso Pena e a rua José Antônio Pereira, no centro, foi inaugurado em 1933.

A ideia da reforma partiu do psicólogo Ronilço Guerreiro, que convocou seus amigos pelo Facebook para restaurar o monumento.

 

“No primeiro dia das manifestações da cidadania, manifestei meu orgulho de fazer parte desta caminhada. E ainda estou orgulhoso de fazer parte desta história de luta. Mas hoje, voltei para casa com uma tristeza no coração, principalmente por entender que estamos buscando cidadania e participação popular. Meu Deus, como tinha vândalos hoje, pessoas que queriam destruir sem motivo (...). Mais uma vez picharam o Obelisco”, lamentou ele, que já pintou o monumento outras vezes.

“Convido a todos para neste domingo pintar o obelisco como gesto de resistência e amor pela nossa cidade. Precisamos de tinta, pincéis e pessoas que amam”, escreveu ele, que coordenou o grupo de jovens que pintaram o monumento no centro da cidade.

Outros Artigos